AROMAS – “un je ne sais quoi, un presque rien”

16-08-2015
Aromatherapy 12889071_l

AROMAS – “un je ne sais quoi, un presque rien”

(“um não sei o que, um quase nada”)

 

Ao entrar em um ambiente, uma das primeiras coisas que notamos é o cheiro do lugar. O sentido do olfato é ao mesmo tempo primitivo e sofisticado e atua principalmente em um nível subconsciente. Afinal, o corpo reage a um cheiro antes mesmo de se tornar consciente dele. E é essa interação direta com o sistema nervoso e o cérebro que confere aos óleos essenciais boa parte do seu poder terapêutico.

Na Aromaterapia, os óleos essenciais têm sido amplamente usados para promover a sensação de bem-estar. E quando são empregados corretamente causam um efeito psicológico que pode ajudar a equilibrar o corpo e a mente, além de favorecer a concentração, o relaxamento e até aumentar o estímulo sexual.

Levando em consideração o poder do olfato, nada melhor que utilizar os aromas corretos para cada ambiente da casa. Veja a seguir como utilizar a Aromaterapia a favor de seu lar.

SALA

Normalmente a sala é um local de reuniões com amigos e familiares. É neste ambiente que conversamos, descontraímos e até estudamos. Sendo assim, é ideal que o local favoreça o bem-estar, o aconchego e a concentração. Os óleos essenciais mais indicados para a sala são:

  • Óleo Essencial de Alecrim: estimula a concentração e a memória. Ótimo para quem estuda na sala.
  • Óleo Essencial de Canela: estimulante, aquece o ambiente proporcionando interação entre as pessoas.
  • Óleo Essencial de Eucalipto: clareia as ideias e favorece a concentração.
  • Óleo Essencial de Cedro: eleva o auto-estima e a confiança
  • Óleo Essencial de Grapefruit: aumenta a alegria e o entusiasmo

Como usar: Escolha dois dos óleos essenciais acima para combinar aromas. Depois, pingue de 10 a 15 gotas no total em um aromatizador elétrico de ambiente ou em um rechaud. Aromatize a sala 30 minutos antes de receber visitas ou estudar, sempre que achar necessário.

COZINHA

Este é um ambiente onde muitos cheiros se misturam, devido aos temperos, ervas e especiarias utilizados nas preparações dos pratos. É também um local de prazer e alegria. Afinal, para cozinhar é necessário estar de bem com a vida e ter prazer no que está fazendo. Caso contrário, “a coisa desanda”, como diz o ditado. Neste cômodo, os óleos essenciais recomendados são aqueles que não anulam o aroma das preparações, mas sim potencializam o que já está no ar:

  • Óleo Essencial de Laranja: clareia os pensamentos, alivia a tensão, favorece o positivismo e é reanimador, além de aromatizar com seu cheiro doce estimulando o apetite.
  • Óleo Essencial de Citronela: além de revitalizante ajuda a espantar os mosquitos.
  • Óleo Essencial de Cravo: estimulante e revitalizante, quando combinado com o óleo essencial de laranja ou limão é um ótimo repelente de insetos e formigas.
  • Como usar: No total, utilize de 10 a 15 gotas de um ou mais óleos em um aromatizador elétrico. Os óleos essenciais cítricos devem ser usados quando você fizer frituras, pois eles neutralizam o odor da gordura. Já os óleos essenciais de Citronela e Cravo podem ser usados como repelente de insetos, nos cantos da pia. Para isso, pingue uma gota de cada um em uma lasquinha de cerâmica ou uma bolinha de algodão. Outra opção é usá-los dentro dos armários da cozinha. Em um copo plástico, coloque cinco pedaços de giz (aquele de escrever em lousa de escola) e pingue duas gotas de cada óleo e coloque dentro dos armários. Reaplique os óleos no copo a cada 10 dias.

Continua…