Rins – Filtros do Corpo – Parte 2

03-10-2016
rim

O Rim é um órgão importantíssimo dentro da medicina tradicional chinesa, pois ele é órgão que armazena, segundo a teoria dos Zang- Fu, a nossa essência, sendo a raiz do Yin e Yang do nosso corpo.

Suas funções principais são:

-        Armazenar a essência

-        Governar a água

-        Receber Qi (energia vital)

É nos Rins que se encontra a essência vital que é formada pela união da nossa herança hereditária com o fruto da transformação dos alimentos e líquidos.

As alterações no estado dos Rins influenciam, principalmente, aspectos como reprodução e na capacidade física e mental, além é claro dos aspectos naturais dos Rins e da Bexiga.

O Yin dos Rins é o fundamento dos líquidos orgânicos e existe para nutrir e umedecer os órgãos e tecidos.

Já o Yang dos Rins é a base do Qi do corpo. Esse Yang primordial tem função de aquecer o corpo e permitir o funcionamento dos órgãos e tecidos.

A teoria dos Zang- Fu faz analogia ao Yin/Yang dos Rins como sendo a água e fogo que deve estar em equilíbrio constante, para que haja um funcionamento harmônico do organismo. Fica claro agora por que os Rins são considerados a raiz do equilíbrio de todo o corpo. Se um dos aspectos enfraquecer não pode controlar o outro e vice-versa.

Se o Yang dos Rins enfraquece surgem sintomas como: astenia mental, região lombar e joelhos doloridos e frios, corpo e membros frios, esterilidade (útero frio nas mulheres), impotência e ejaculação precoce.

Caso o Yin esteja em declínio observar-se-ão no paciente sintomas como: calor na palma da mão, na sola dos pés e na região cardíaca, febre vespertina, transpiração noturna.

O Qi Rins tem papel chave na regulação líquidos orgânicos.

O ciclo normal da água no corpo segue o seguinte padrão: O Estômago recebe a água, o Baço a transforma, o Pulmão a distribui, ela passa pelos três focos (aquecedores) e o que é puro ganha os órgãos e o impuro se transforma em suor e urina que são expulsos do corpo.

O papel do Qi dos Rins nesse processo se dá através da função de “abrir e fechar” onde o abrir significa permitir a expulsão do excesso de líquidos e o fechar significa armazenar no organismo água da qual ele necessita. Se o Qi dos Rins estiver em desarmonia logo surgem sintomas relacionados à dificuldade de micção e podem aparecer edemas como resultado do acumulo de água e também podem aparecer sintomas de falta de ar e asma.

Os Rins produzem a medula e governam os ossos, se houver deficiência podemos ter:

-        Dentição fraca ou perda dos dentes

-        Perda de cabelos ou alteração na constituição do mesmo

-        Osteoporose

-        Deformações ósseas e atraso no fechamento da fontanela

-        Distúrbios do crescimento

O medo é a emoção primária dos Rins. Em equilíbrio se manifesta com preocupação e boa avaliação. Em desequilíbrio, como nervosismo, medo, apreensão excessiva, relutância em agir.